TS Shara: Variação da energia no Brasil é risco para o mundo hiperconectado

Fabricante nacional com 30 anos de atuação, a TS Shara, especializada em nobreaks e estabilizadores de tensão, está investindo na produção local de inversores para suportar as variações bruscas no fornecimento de energia no País, revela o diretor comercial e de marketing da companhia, Jamil Mouallem.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, durante a Futurecom 2019, realizada de 28 a 31 de outubro, em São Paulo, o executivo sustenta que Telecom e convergência digital são oportunidades para novos negócios. “O sistema de telecom ainda utiliza 48 volts de corrente contínua. Os sistemas novos, como os voltados para edge computing, já estão migrando para 110 volts. Isso tudo exige equipamentos robustos para suportar o processo. O processamento paralelo exige um ambiente seguro de energia”, acrescenta Mouallem.

Com uma fábrica de oito mil metros quadrados em São Paulo, a TS Shara admite que investir no Brasil não é uma tarefa simples. “Mesmo com os incentivos é preciso muita determinação”, observa. Para 2020, o executivo diz que há muito por investir. “Energia é um ponto crítico para esse mundo hiperconectado”, adiciona.

Assista a entrevista com o diretor comercial e de marketing da TS Shara, Jamil Mouallem:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *