Natal pede cuidados com instalações elétricas

No último ano foram registrados 627 acidentes elétricos, sendo mais ocorrentes na época natalina

São Paulo, 09 de dezembro de 2015 – Dezembro é um mês de festa, confraternização com amigos e família e uma oportunidade para refletir sobre as ações tomadas no ano que passou. As luzes brilhantes e coloridas, juntamente aos outros tipos de enfeites, criam uma atmosfera alegre e de solidariedade. Mas não podemos esquecer de prestar atenção também nos bastidores.

De acordo com pesquisa da Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (Abracopel), 2014 registrou 627 casos de acidentes por falta de cuidado nas instalações elétricas. O número representa um aumento de 18% em relação ao ano anterior, com maior frequência na época natalina.

Entre as regiões mais atingidas estão Nordeste e Sudeste seguidas pelo Sul. Os homens são as maiores vítimas, sendo 560 casos contra 67 por parte das mulheres. As residências lideram o ranking de locais onde os acidentes por curto-circuito, choque e blackout acontecem.

Segundo Jamil Mouallem, engenheiro elétrico e diretor comercial & marketing da TS Shara, fabricante nacional de equipamentos de proteção de energia, o curto-circuito geralmente ocorre pela má instalação das luzes. Lâmpadas ligadas na mesma tomada utilizada por outros aparelhos podem resultar em sobrecarga, pois concentram uma força adicional excessiva capaz de provocar um incêndio. “No momento da instalação das luzes os adaptadores devem estar desconectados das fontes de energia, pois além de danificar os aparelhos conectados, podem causar um aquecimento e derretimento do material, provocando o curto”, alerta Mouallem.

O especialista também aconselha a desligar o pisca-pisca na hora de sair de casa ou durante a madrugada na hora em que a família estiver dormindo, pois além de evitar possíveis acidentes, o consumo de energia excessivo é diminuído.

Além dos cuidados na instalação e no manuseio dos equipamentos, a hora da compra é igualmente importante. De acordo com Mouallem, o consumidor deve dar preferência aos equipamentos com o selo do Inmetro e tomar cuidado com os produtos velhos e emendados, pois podem ocasionar sobrecarga na lâmpada.

Mas, caso algo aconteça é importante desligar imediatamente o disjuntor geral e acionar os bombeiros através do número 193.

Dicas para a decoração de Natal
Evitar instalar as luzes em uma tomada com outros equipamentos; Usar uma régua com várias tomadas é mais aconselhável do que a em “T” (Benjamim); Luzes de Led são mais econômicas; Os produtos precisam do selo do inmetro para garantir a qualidade; Evitar colocar as luzes próximas a matérias de fácil combustão como enfeites de papel, madeira ou plástico; Não fazer emendas de cabos e fios elétricos, principalmente quando estes ficarem expostos às condições do tempo.

Sobre a TS Shara
Com 25 anos de atuação, a TS Shara é uma empresa nacional, fabricante de nobreaks, estabilizadores de tensão, filtros de linha, autotransformadores e protetores de rede inteligentes. No segmento de baixa e média potência, é hoje uma das maiores e mais produtivas empresas no mercado brasileiro de equipamentos de proteção e energia, oferecendo uma linha completa de produtos que somam mais de 600 itens para atender o mercado SOHO.

Com fábrica em São Paulo, a empresa está presente em todo o país por meio de 250 unidades de assistência técnica, além de revendedores e distribuidores que juntos totalizam mais de 380 canais, além de exportar para mais de 15 países.
Todos os produtos fabricados pela TS Shara passam por um rigoroso controle de qualidade e são homologados em importantes centros de pesquisas e desenvolvimento, como o laboratório da TÜV Rheinland, acreditado pelo Inmetro. A TS Shara possui ainda importantes reconhecimentos, entre eles, o Certificado de Qualidade de acordo com a norma ISO 9001, que a empresa mantém há mais de dez anos.

Informações para imprensa:
Capital Informação
Tel: (11) 3926-9517/ (11) 3926-9518
Equipe de Atendimento:
Adriana Athayde – adriana@capitalinformacao.com.br;
Mayra Ribeiro – mayra@capitalinformacao.com.br;
www.capitalinformacao.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *